Escangalhar – escrita criativa

Feliz com Vida e construindo os Sonhos

Escangalhar – escrita criativa

Escrevendo 0
escangalhar

Escangalhar é um Livro de Escrita Criativa que foi concebido em uma Oficina de Contos Curtos promovida pelo escritor Plínio Camillo, pois, a Editora Kazuá, em 2017 investiu no grupo.

Éramos uns Doze nos primeiros encontros. Mas, no final Éramos Seis e com Plínio, Sete.

Grupo Escangalhar

Escangalhar era um grupo heterogênio … professores, engenheiros, tradutores, aposentados, escritores profissionais, enfim e esta acupunturista, que lhes escreve.

Escangalhar - escrita criativa

Plínio nos provocava, para que tivéssemos coragem de contar … o no final do primeiro encontro, todos tínhamos um conto – uma auto-apresentação – Quem Somos.

Agora leiam. Poucos tiveram a coragem … mas com o tempo … todos queriam ler … e o Plínio tinha que moderar, quem iria ler.

Porém, a partir da segunda aula, não líamos o nosso, mas o do outro … e o autor não pode explicar … é o leitor que escolhe como entender.

Assim, com o ler do outro o nosso texto, fomos construíndo a nossa forma de escrever.

Alguns textos de Escangalhar

Boi Boi Boi Boi da Cara Preta

(autor: Ethel Naomi)
Ele me falou qui’eu acordaria nas nuvens
Meu irmão fez careta dentru daquele berço azul
Tá tudo vermelho – dói, dói…
Eu num queria tomar aquele comprimido, mas ele disse que era tudo gostoso!

Material do Sonho

(autor: Henrique Ranieri)
Fim
Casam. E ele planeja como será a vida dali em diante e será uma boa vida, perfeita. Mas ela morre em acidente.

Purgatório
Aluga o galpão. Em uma semana, monta o laboratório, leva as amostras da amada. Se fecha, metido em projetos genéticos. Dorme duas horas por noite e não sente a dor do luto. Sente esperança

CHÁ-CHÁ-CHÁ

(autor: Meg Mendes)
Adoentado e sem família, Lilo apareceu por aqui, pediu abrigo ao amigo. O banana do meu marido permitiu.
De doente não tinha nada, o safado.
– Venha, vou te ensinar a dançar o “chá-chá-chá” – me disse ele.
E como dança!

O cofre

(autor: Maria Rita)
… ah! se eu tivesse uma bomba …
… ah! se eu tivesse a chave
.